sábado, 8 de dezembro de 2007

As palavras são do famoso pintor russo Kandinsky (1866-1944):
“Pintar é uma arte. E a arte não é um trabalho sem conseqüências, mas um poder que deve ser dirigido para o crescimento da alma. Se a arte não realiza este trabalho, o abismo que nos separa de Deus permanece sem uma ponte”.
“O artista tem um débito para saldar: o seu talento. Para isto, precisa trabalhar duro - e saber que ele é livre em sua arte, mas não em seu compromisso com a vida. Tudo o que ele sente e pensa é parte da matéria prima com que irá melhorar a atmosfera espiritual a sua volta. Embora seja um sacerdote da Beleza, esta Beleza não pode ser vazia: precisa servir ao homem”.
“A arte é como uma luva; a alma é como a mão que preenche a luva, e lhe dá forma e sentido”.

Nada como as palavras deste grande pintor ... E eu concordo plenamente. Por isso não tenho pudores em expressar nada em minha arte, meus sentimentos, dores, dúvidas, são alicerces da vida e levam até Deus, até a alma do mundo, senão para mim, mas para as outras pessoas. É meu compromisso.

Nenhum comentário: